Arquivo da tag: Java

Pai do Java: pressão pode fazer com que Oracle mude postura

A comunidade Java está bastante preocupada com o futuro da linguagem de programação, especialmente depois que a Oracle processou o Google por infringir patentes da tecnologia no sistema operacional Android. Mas, de acordo com James Gosling, conhecido como o pai do Java, ainda há uma chance de fazer a fornecedora mudar de ideia.

Segundo Gosling, se houver uma pressão de mercado, a empresa pode retomar uma proposta, que já tinha sido apresentada em 2007, de criar uma fundação independente para o desenvolvimento Java. “Isso pode acontecer se um número suficiente de clientes manifestar revolta. Mas teriam de ser usuários da Oracle, uma vez que são eles que rendem dinheiro para a companhia”, analisa.

A Oracle ganhou o controle da Java depois da compra da Sun. Gosling, que ficou um tempo curto na fornecedora após a aquisição, refere-se a uma proposta feita pela Oracle, há dois anos, como membro do Java Community Process (JCP), organização responsável por controlar o desenvolvimento da linguagem. A sugestão era transformar o grupo em uma organização aberta, desvinculada de fornecedores, na qual todos os membros teriam o mesmo nível de participação.

Até o momento, a Oracle não se pronunciou a respeito de retomar a proposta, o que só deve ficar claro durante a conferência JavaOne, que será realizada no mês de setembro. Na agenda do evento, está prevista uma discussão a respeito dos investimentos e inovações previstas para o Java, com a participação do CEO da Oracle, Larry Ellison, e de outros executivos do alto escalão da companhia.

O analista da consultoria Forrester Research, John Rymer, acredita que não existe possibilidade de a Oracle estimular o cenário levantado por Gosling. “As circunstâncias mudaram. Naquela época, eles tinham outra posição e olhavam a tecnologia com os olhos de quem está de fora. Agora, como donos do Java, há pouco interesse em compartilhar o controle. As coisas devem permanecer como estão”, avalia Rymer.

O próprio Gosling acha difícil que o cenário previsto por ele aconteça. “A proposta de 2007 fazia parte de um jogo, sem princípios que almejassem o bem comum”, disse. No entanto, ele informa que não acredita no fim do Java. “Trata-se de uma tecnologia chave em muitos dos negócios da Oracle. Acabar com isso iria prejudicá-los mais do que a qualquer outro”, completa.

Fonte: [Computer World]

Dataprev assina termo de apoio a projeto de versão livre da máquina virtual Java

Instituições públicas assinaram na manhã desta quinta-feira (22), durante o 11º Fórum Internacional de Software Livre (Fisl11), em Porto Alegre, um termo de apoio ao Projeto Open JDK, que disponibiliza uma versão livre da Java Virtual Machine (JVM).

É essa máquina virtual Java que fornece as funcionalidades necessárias para as aplicações Java, tecnologia usada pela Dataprev e as demais entidades, que agora formalizaram o apoio ao projeto, como o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e a Caixa Econômica Federal. Também assinaram o termo representantes dos ministérios do Planejamento e da Ciência e Tecnologia.

“A assinatura deste protocolo para a Dataprev é muito importante do ponto de vista da garantia da solução Java no contexto livre. A Dataprev investiu maciçamente o seu desenvolvimento na tecnologia Java, e o Java tem hoje na sua essência uma máquina virtual, um componente de estruturação das aplicações, que ainda funciona no modelo proprietário. O que essa iniciativa propõe? Testarmos a solução livre para o componente Open JDK, para que todas as aplicações, não só as da Dataprev, mas de todas as entidades que assinaram esse termo, utilizem essa máquina virtual, tendo o teste e suas depurações. Uma vez que ele esteja pronto para utilização, todas as entidades vão ter o Java 100% livre”, explicou Daniel Darlen, diretor  de Infraestrutura de Tecnologia da Informação e Comunicação (DIT), que assinou o termo representando a empresa.

De acordo com Cláudio Ferreira Filho, da Unidade de Desenvolvimento de Software Livre da Dataprev (UDSL), a grande diferença para a empresa no Projeto Open JDK é ter, além de um produto gratuito, a garantia de que a empresa não ficará à mercê de problemas de mercado.“Quando desenvolvemos os sistemas em Java precisamos colocar isso à disposição dos nossos usuários. Então dentro desse processo nós dependemos hoje, para rodar esse sistema, do uso de uma máquina fechada. Nós temos uma preocupação de que os nossos sistemas rodem nas máquinas de qualquer fornecedor. Hoje, a melhor implementação de máquina virtual, além da proprietária, é o projeto Open JDK que tem justamente essa preocupação de dar uma alternativa ao usuário”, explicou.

Ao assinar o documento, as instituições se comprometeram a ampliar os esforços técnicos em prol da máquina virtual livre e testar as aplicações desenvolvidas em suas instalações.

Fonte: [Portal Dataprev]

Google tem nova coleção Java

O Google lançou uma nova biblioteca de coleção Java com novidades e suporte para as versões 5 e superiores da linguagem.

Segundo a empresa, a Google Collections Library 1.0 é uma extensão da Java Collection Framework, que contém diversas classes e interfaces.

Entre as novidades estão o Multimap, que permite a associação de diversos valores a uma única chave, e a Multiset, que habilita a duplicação de itens.

A nova Collections Library faz parte do projeto Guava, que reúne todas as bibliotecas Java utilizadas internamente pelo Google.

O download pode ser feito na página de códigos disponibilizada pela empresa, junto com informações, recursos e guias de utilização.

Fonte:  [Info Plantão]

Sun publica conteúdo do Sun Tech Day na rede

A Sun publicou todas as keynotes e apresentações do evento Sun Tech Day que aconteceu no Brasil entre os dias 8 e 9 de dezembro.

Em PDF, os documentos trazem todas as informações sobre os assuntos que foram discutidos durante o encontro de desenvolvedores.

Entre os temas específicos, estão a criação de aplicações web com foco em colaboração, as próximas gerações de servidores de aplicação, MySQL, serviços e gerenciamento de recursos.

Também estão disponíveis os documentos sobre a aplicação da tecnologia Java, como discussões sobre o futuro da plataforma e técnicas para aprimorar o trabalho com a linguagem.

[Baixe os arquivos do Sun Tech Day aqui]

Fonte: [Info Online]

Programa Caça Talentos Java

A 4Linux investirá e se especializará em infra-estrutura livres para suportar aplicações Java e também a evoluir softwares livres baseados em Java (eXo, Alfresco, dimdim entre outros). Pensando nesta especialização, a 4Linux lança o programa “Caça Talentos Java” que visa contratar profissionais para crescer e se especializar junto com a 4Linux em Java.

Se você conhece ou trabalha com Java ou simplesmente é um entusiasta, pode se candidatar a vaga.

Serão 6 etapas, incluindo uma entrevista na sede da 4Linux em São Paulo, com todas as despesas pagas.

O ‘Caça Talentos Java’ será lançado oficialmente pela Internet no dia 10 de dezembro de 2009, em evento promovido pela 4Linux e detalhes sobre o processo seletivo poderá ser acompanhado ao vivo pela internet.

Informações completas sobre o programa “Caça Talentos Java”: http://www.4linux.com.br/empresa/programa-caca-talentos-java.html

Agenda do evento:

Quando: dia 10 de dezembro de 2009

Onde : somente pela internet .

Horário: das 19h30 às 20h30

Fonte: [Best Linux]

Aprenda Java de graça na internet

A linguagem Java é uma das mais importantes para o desenvolvimento de aplicativos. Pensando nisso, a INFO escolheu links com material para você estudar e aprimorar seus conhecimentos.

Sua portabilidade e seus recursos de integração com redes estão entre seus maiores diferenciais. Outra vantagem é sua semelhança com o C e C++, que facilita a vida de programadores que queiram testá-la.

Confira o material gratuito da Caelum.

[-Apostilas da Caelum]

Raramente uma empresa especializada em cursos divulga o material de suas apostilas. Felizmente, esse não é o caso da Caelum, que criou uma página de download para parte de seu material relativo á linguagem Java.

“A Caelum disponibiliza gratuitamente para download algumas das apostilas de seus cursos para a comunidade, com intuito de disseminar o conhecimento”, informa o site.

[Leia a matéria na íntegra ]

Fonte: [Info]